quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

PARADA TENSA DEMAIS.......!

Eu nem ia falar sobre isso, mas ‘tô vendo que é preciso mesmo......!

Último semestre do [/censurado por motivos óbvios/] na [/censurado por motivos óbvios/], né? “UHU!”
“UHU!” o caralho. No final, até agora, só tem eu de matriculado e não querem fechar turma de um aluno só. Segundo [/censurado por motivos óbvios/], não querem escalar professor para a turma justamente por causa disso (e eu devia ter tirado uma foto da cara de [/censurado por motivos óbvios/] quando eu lhe disse que sou o único da turma, há, há, há).
Não tem graça.
[mais-do-que-sinceramente, desde quando soube disso, estou pensando seriamente em mandar AQUELE e-mail pro [/censurado por motivos óbvios/] e/ou mesmo pro [/censurado por motivos óbvios/] e relatar essa presepada pra eles, mas é melhor não mesmo. Ainda mais que, SE eles souberem, eles vão chegar de VOADEIRA com os dois pés calcando coturno com ponta de ferro no meio da cara do pessoal da [/censurado por motivos óbvios/]. E, obviamente, isso vai influir inegável e indiscutivelmente em cima da galera da graduação. E vai ser culpa de quem no final? Só pra variar, do Quilômetros-a-Pé.]

Eu sei que não sou o melhor dos alunos que já passaram por lá (fato) (acho que fico no meio termo entre os bons e os regularestomara!), mas eu fiz o que pude mentira descarada mode on pra chegar até esse nível. Eu admito que não estudei o suficiente e dei muita, mas MUITA sorte de lá pra cá. Ainda tem um caralhal de coisas que tenho que rever pra poder fixar – justamente as pequenas regras e detalhes de gramática nos quais eu continuo insistindo. Agora que vou ter Compreensão e Produção Textual em Alemão, eu ACHO que esse problema vai ser resolvido (se o[a] Professor[a] não torcer meu pescoço antes ou no processo).
Culpar os professores por isso – eu não estar capacitado o tanto que eu deveria para chegar a este nível? Não, muitíssimo obrigado. Você pode fazer o favor de ir tomar no cu primeiro. Não foi esta a criação e educação que eu tive.


Só pra terminar: eu não assinei nenhum termo de responsabilidade e ninguém segurou uma arma contra a minha cabeça pra eu censurar tanta coisa neste post. O caso é que tenho ciência plena de quem será SERIAMENTE prejudicado caso estes nomes sejam divulgados.
O nome disso, meus caros e minhas caríssimas, se chama BOM SENSO (que decidiu funcionar desta vez).

Post feito ao som de faixas intercaladas de Neil Young: Harvest e Journey Through the Past, de 1972, e Time Fades Away, de 1973.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você está em solo sagrado!
Agora entalhe com vossas garras na Árvore dos Registros e mostre a todos que virão que você esteve aqui!!!