sábado, 11 de março de 2017

Affonso Romano de Sant’anna, “O Homem e o Objeto - parte 11”

“Como o homem faz o objeto
e o objeto que o completa,
num duplo esforço operário,

pode se dar que outro homem
inverta as regras do jogo
de modo mais que arbitrário
e transforme o homem
em menos-homem: objeto
donde extrai sangue e salário. 

A luta, portanto, é dupla
e se reduz neste aspecto:
– contra o homem e o seu domínio
e a escravidão do objeto.

No entanto, se o objeto
nos tece em torno a grade,
pode, ao contrário tornar-se
a chave da liberdade.

E de repente nos livra
de um modo mais que completo,
e do que era um homem escravo
ressurge um homem arquiteto,
capaz de erguer seu destino
conforme o queira em projeto.”
– Affonso Romano de Sant’anna, “O Homem e o Objeto - parte 11”. IN: SANT’ANNA, Affonso Romano. Poesia reunida: 1965-1999. Porto Alegre: L&PM, 2007.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você está em solo sagrado!
Agora entalhe com vossas garras na Árvore dos Registros e mostre a todos que virão que você esteve aqui!!!